Carboxiterapia corporal, facial e capilar: descubra como funciona!

A carboxiterapia é um tratamento estético para quem deseja garantir uma pele bonita e saudável. Indicado para eliminar celulite, estrias, gordura localizada, flacidez da pele e ainda estímulo de crescimento capilar, o tratamento é realizado com a aplicação de um gás, em sessões rápidas com pouco ou nenhum desconforto.


O gás age promovendo uma troca metabólica, aumentando os níveis de oxigenação dos tecidos. Pode ser aplicado em diversas áreas do corpo, como rosto, braços, abdômen, coxas, flancos, couro cabeludo entre outros. 


Confira agora como funciona a carboxiterapia, quais suas indicações e benefícios. 

Como funciona o tratamento de carboxiterapia?

O tratamento é feito com a injeção de gás de dióxido de carbônico, bem abaixo da pele ou no tecido adiposo. Essa injeção vai provocar um aumento do fluxo sanguíneo, que contribui com o transporte de mais nutrientes ao local. 


A carboxiterapia é feita por sessões, sendo que sua totalidade é indicada após a avaliação do especialista. Para se ter uma ideia, tratamentos para celulite e gordura localizada são realizadas de 2 a 3 vezes por semana, totalizando 10 sessões. Os resultados começam a ser percebidos logo após a quinta sessão. 


A carboxiterapia dói?

Muitas pessoas ficam receosas por conta da dor, mas as aplicações da carboxiterapia são suportáveis, causando um certo desconforto. No entanto, podemos afirmar que a dor é passageira.


Em que casos a carboxiterapia é indicada?

O tratamento é versátil e ajuda em diversos casos, como: celulite, gordura localizada, estrias, estímulo de crescimento capilar, olheiras e etc.


A carboxiterapia pode ser aplicada em qualquer região do corpo - mas existem alguns locais que mais recebem o tratamento. Dentre eles, podemos citar barriga, pescoço, mamas, coxas, rosto, nádegas, braços, flancos e laterais das costas. 


Para se preparar para o tratamento, vale ir para o consultório sem a aplicação de cremes ou óleos na região que vai receber a carboxiterapia. Isso vai evitar reações alérgicas indesejadas. 


Depois da sessão, a pessoa está liberada para realizar suas atividades normalmente, evitando apenas a exposição ao sol caso exista algum hematoma local, o que pode ser totalmente normal já que está sujeito a romper algum vasinho sanguíneo.


Pessoas com nível alto de obesidade, com doenças pulmonares ou cardíacas, com câncer, gestantes ou com alguma doença no local a ser tratado não são indicadas para este tipo de tratamento. Por isso a avaliação se faz tão importante.


Conte com a Clínica Nautilus para realizar este e diversos outros tratamentos a favor da beleza da sua pele. Agende uma avaliação e aumente sua autoestima!

Post Anterior7 tratamentos para ficar linda no verão
Próximo Post Para que serve o Fotona Laser 4D?